+55 21 2275-0146
Maratona de Berlim

Por que a Maratona de Berlim deve ser sua primeira corrida internacional?

Share now:

Se você quer estrear nas maratonas internacionais e não tem a mínima ideia por onde começar, listamos aqui alguns motivos para optar pela Maratona de Berlim, que acontece no final do mês de setembro e é a prova perfeita para estreantes.

– Palco de 11 recordes mundiais, Berlim é reconhecida como uma das maratonas mais rápidas do mundo. Tanto que foi ali que o nosso grande maratonista Ronaldo da Costa fez história, quando quando em 1998 bateu o recorde mundial de maratona, com 2:06:05, que já durava há 10 anos. Desde então, muitos outros recordes foram batidos nas ruas da capital alemã. Este ano, o queniano Eliud  Kipchoge estabeleceu a nova marca par os 42 km, com 2:01:39. O circuito é praticamente todo plano e não apresenta nenhum tipo de problema em relação à altimetria

– A Maratona de Berlim ganha cada vez mais adeptos do mundo inteiro, e principalmente brasileiros, que voam rumo ao Velho Continente em busca de uma experiência incrível. A prova faz parte do seleto grupo das seis Marathon Majors, composto ainda pelas Maratonas de Tóquio, Boston, Londres, Chicago e Nova York.  Como todos os anos, o evento reúne grandes estrelas do atletismo que desembarcam na cidade em busca de boas marcas e quem sabe mais um novo recorde mundial.

– A cidade de Berlim literalmente abraça o evento, que abre oficialmente as portas na quinta, com a abertura da Expo, e termina no domingo, com a realização da maratona. A Expo é sem dúvida nenhuma um espetáculo à parte, dada a quantidade de ações que ocorrem no espaço. Além dos estandes variados de produtos e da retiradas de kit, na loja oficial há muitas opções de souvenires da Adidas, marca patrocinadora da prova.

– No sábado pela manhã, acontece o Breakfast Run, uma corrida de 6 km, que larga às 9h30 no Castelo de Charlotenburgo e que que é um espetáculo à parte. A chegada da prova é simplesmente dentro do Estádio Olímpico, estádio que sediou os Jogos Olímpicos de 1936.  Essa corrida reúne cerca de 15 mil pessoas e muitos levam suas bandeiras e camisas de seus respectivos países.

– Ainda no sábado, na parte da tarde,  acontece a Maratona de Patins Inline, realizada quase no mesmo percurso da maratona e que reúne cerca de 5 mil patinadores. É a maior corrida do mundo do gênero e praticamente uma versão de patins da tradicional maratona. Vale muito à pena ir para a chegada para ver os patinadores finalizar a prova ou mesmo se posicionar em alguma parte do percurso para apoiá-los. Imperdível.

– A Maratona de Berlim é realizada em circuito, largando e chegando em pontos próximos, o que é excelente para os espectadores que querem acompanhar a corrida. Além da organização impecável, chama também atenção na prova a grande quantidade de pessoas que vão às ruas para torcer pelos corredores ao logo de todo o percurso. São cerca de 1 milhão de espectadores aplaudindo e torcendo.

– Além de rápido, o percurso de Berlim é bonito e passa por vários pontos turísticos da cidade, como a Coluna da Vitória, o Parlamento Alemão, a antiga sede do Senado de Berlim Oriental, a Kaiser-Wilhelm-Gedächtnis-Kirche e outros marcos importantes da Alemanha. Como se isso não bastasse, os corredores são coroados antes da linha de chegada com a passagem pelo Portão de Brandenburgo, o marco mais famoso da Alemanha.

– Terminada a prova, aproveite para conhecer a capital da Alemanha , que é uma cidade fantástica e tem o mix perfeito de história e modernidade. A cidade é um museu a céu aberto. Caminhar pelas suas ruas praças e avenidas é uma verdadeira aula de história. Suas atrações turísticas ficam concentradas em locais muito próximos, sendo um convite e tanto a uma caminhada. Para quem preferir, dá conhecer as principais atrações de Berlim apenas com um mapa na mão e uma bicicleta, que pode ser alugada a uma diária que não ultrapassa 12 euros.

Texto: Fernanda Paradizo
Jornalista e Fotógrafa Esportiva