+55 21 2275-0146
olimpiadas dos maasai

Olimpíadas dos Maasai: os jogos para a conservação dos leões no Quênia

Share now:

Quando pensamos em Quênia, a primeira coisa que nos vem à mente são os rápidos corredores que ocupam o topo do pódio das principais provas de fundo ao redor do mundo.

Mas esse país localizado na parte oriental do continente africano não é só isso. Além das ricas reservas de vida selvagem e parques nacionais, que favorecem o turismo da região, uma viagem à região dos mais rápidos corredores do mundo pode representar uma experiência única ao turista.

No último mês do ano, esse país africano realiza as Olimpíadas dos Maasai, um evento que acontece a cada dois anos desde 2012 e surgiu como iniciativa para preservar a vida selvagem e mudar a atitude dos guerreiros Maasai, que durante séculos praticaram o rito de passagem para a maturidade caçando e matando leões.

Os guerreiros que participam das Olimpíadas são selecionados em outras duas competições. A primeira em nível local, em que mais de 4 mil jovens, entre 12 e 15 anos, recebem treinamento esportivo básico dos eventos que fazem parte dos Jogos e competem entre si para formar uma seleção de quatro equipes, cada uma representando um guerreiro manyatta (aldeia). A outra classificatória acontece em nível regional, em que as equipes competem entre elas.

A Olimpíada dos Maasai representa o evento de todo o ecossistema, com um dia inteiro de competição entre os guerreiros manyattas, reunindo mídias nacional e internacional, celebridades, funcionários do governo, amigos, família e um seleto grupo de viajantes, que têm a oportunidade de ver de perto esse evento único.

Como recompensa, os Maasai recebem bolsas de estudo educacionais, um touro e a oportunidade de conhecer o bicampeão olímpico, recordista mundial dos 800 metros e companheiro maasai David Rudisha.

Em conjunto com outros programas locais, esse evento já ajudou a reduzir drasticamente o número de morte dos felinos na região, auxiliando na preservação da espécie, que se encontra ameaçada. Afinal, em vez de caçar leões, esses guerreiros passaram a competir por troféus, direcionando a energia para esportes disputados em campo e trilha.

A Kamel Turismo está oferecendo uma oportunidade exclusiva para que você possa ver de perto essas Olimpíadas no Quênia. Os viajantes terão a oportunidade de experimentar e apoiar este importante programa de conservação. O pacote inclui 4 noites (de 13 a 17 de Dezembro), com chegada em Nairóbi, assistência local e voo de ida e volta para o Chyulu, onde fica o Chyulu National Park (Ol’Donyo Lodge), com refeições e bebidas inclusas, além de um dia inteiro para assistir aos Jogos (15/12).

Confira nosso roteiro sensacional e mais informações sobre o evento no link: https://goo.gl/D1heCy

Texto: Fernanda Paradizo