+55 21 2275-0146
viajar para lisboa

Viajar para Lisboa: o charme das cores, casas de fado e patrimônios mundiais

Share now:

Lisboa é simpática e hospitaleira.

Mesmo se você tenha poucos dias para passar na cidade, já dá para aproveitar muito do que a capital portuguesa oferece. O que não falta na cidade e nas suas imediações é atração turística.

Não deixe de conhecer o Mosteiro dos Jerônimos, que foi construído no século 16 e é um dos mais bonitos da Europa e considerado um dos ápices da arquitetura manuelina. Ele foi idealizado por pelo rei Dom Manuel I (o mais importante rei português e responsável pela expansão marítima em Portugal na Era dos Descobrimentos) e, em 1907, recebeu o título de Patrimônio Mundial pela UNESCO. Situado no bairro de Belém, às margens do Rio Tejo, é um dos pontos turísticos mais visitados do país.

Outra atração turística em Lisboa é a Torre de Belém, que avança pelo Rio Tejo e também é um dos pontos mais visitados do país. Dali partiram grandes navegadores em busca de novas rotas marítimas, como Vasco da Gama e Pedro Álvares Cabral. Construída também no século 16 para funcionar inicialmente como fortaleza, hoje ela está integrada à Praia de Belém. O monumento também é Patrimônio Mundial da UNESCO e representa bem a transição arquitetônica do estilo medieval para o estilo manuelino.

Ainda no bairro de Belém está o Monumento aos Descobrimentos, obra em forma de caravela que fica em posição destacada às margens do Rio Tejo e simboliza o passado glorioso de Portugal na época das grandes navegações. Ele foi construído em 1940 para homenagear os personagens históricos ligados aos Descobrimentos portugueses na Exposição do Mundo Português, e depois reconstruído em 1960.

O Castelo de São Jorge e outro ponto turístico que vale uma visita. É uma das construções mais antigas da cidade, com mais de 8 séculos de história. Construído para proteger a cidade dos romanos, ele já serviu como Paço Real e da Alcáçova, palácio de bispos e forte militar.

Construído para receber a Expo Mundial de 1998, o Parque das Nações, que fica numa antiga área industrial revitalizada para abrigar a sede da Expo, é um dos bairros mais modernos e frequentados de Lisboa. A área abriga museus, centros culturais, espaços para entretenimento e excelentes restaurantes.

No quesito alimentação, o brasileiro não terá problemas em Portugal porque são muitas as ofertas de restaurantes disponíveis, principalmente em Lisboa. Além disso, a comida portuguesa não é muito diferente da brasileira. Prepare-se também para degustar a típica culinária, acompanhada dos mais deliciosos vinhos da casa.

Não deixe de provar o verdadeiro Pastel de Belém, ou pastel de nata, como também é conhecido. Eles são encontrados em vários pontos de Portugal, mas é na casa dos Pastéis de Belém, ao lado do Mosteiro dos Jerônimos, que surgiu essa deliciosa receita no século 19. Eles são tão procurados que não será nenhuma novidade se tiver que encarar uma fila para degustá-los. Se quiser, pode sentar numa mesa e comer no restaurante ou entrar apenas comprar para viagem.

Há muitas igrejas bonitas em Lisboa, e algumas delas no bairro do Chiado. Aproveite e passe no Café à Brasileira, que é muito antigo e tem na porta a estátua do poeta Fernando Pessoa, onde as pessoas param para fotografar e tomar um café. À noite, faça um passeio pelo Bairro Alto, que é um local antigo da cidade, onde muitos jovens se reúnem.


Outra programação imperdível em Lisboa é apreciar um espetáculo da música tradicional lusitana numa casa de fado. A casa Tasca do Chico fica no Bairro Alto (Rua do Diário de Notícias, 39) funciona todos os dias das 12h às 4h e lá é possível ver um excelente espetáculo.

Texto: Fernanda Paradizo